Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Gato Pardo

Para quem conhece, vocês estão mais que vacinados. Vocês não conhecem isto? São maiores de idade? Trazem o vosso cartão de cidadão, boletim de vacinas e resgisto criminal? Não? Fantástico!!!

Qe tal este post? Não vos agrada? Epá, pois...É que vou já apagá-lo...Nem consigo viver com o sentimento de culpa...

23.02.11publicado por Gato Pardo

Desde uns anos atrás que assisto com inusitada curiosidade ao evoluir do mercado dos autocolantes para vidros automóveis...

Desde o simpático "Bebé a bordo" até ao "Quanto mais apitas, mais te quero ir ao pito"...

Ultimamente (e porque aparentemente não tenho nada melhor que fazer com o meu tempo, o que é altamente deprimente) parece que tudo que tem 4 rodas, um volante e pertence a uma empresa, tem obrigatoriamente de ter aquele autocolante que diz "Que tal a minha condução? Não lhe agrada? Temos pena, mas de qualquer das formas dê um toquezito para a entidade patronal que eles vão adorar ouvir a sua voz sexy"...

Epá, primeiro que tudo, o tipo que inventou essas placas ou autocolantes, devia ser punido por meia centena de crianças a atirarem-lhe daquelas bolas coloridas que enchem piscinas em parques de diversão...Para ver se não voltava a ter ideia tão colorida como essa...

Será que me sinto mais seguro na estrada sabendo que o carro da frente tem uma placa destas? Claro que sim...Isso e a fusão nuclear ser um fonte de energia porreira para eu fazer grelhados na minha churrasqueira...Só tenho é falta de espaço ao lado da mesma para meter o reactor...

Se há coisa que esses autocolantes fazem, é eu afastar-me o mais possível do carro que tenha uma placa dessas...É tipo "Você acha que eu conduzo bem? Ainda bem, porque o meu patrão não acha..."...

Por acaso hoje até estive para ligar para o número que constava na placa de uma carrinha só para dizer:

 

- Ó minha senhora, era só para dizer que não faço ideia se o condutor do veículo com a matrícula XPTO conduz bem ou não...Mas se ele conduz tão bem como estaciona, vocês estão bem f*didos porque a carrinha está no meio de uma rotunda...

 

Placa melhor que estas que já exemplifiquei são aquelas que dizem "Prezamos a cordialidade ao volante...Se estamos em falta, favor ligar XXXXXXXXX"

Amigos...Isto é Tuga Country...Nós não somos cordiais nem nos saldos, quanto mais com um carro nas mãos...

 

Como chatear à brava uma irmã mais nova em apenas 2 frases...

13.02.11publicado por Gato Pardo

- A sério, estou a tornar-me uma fashion victim... - disse-me ela, com ar cabisbaixo.

- Lá estás tu com as pancas juvenis...Não estás nada... - disse eu.

- Porque dizes isso? - perguntou ela.

- Da maneira que tu te vestes, tu dás mais ar de murder victim...O teu sense of fashion tem de ir calibrar...

{#emotions_dlg.tongue}

Um dia, viro Nicholas Sparks...Mas ainda não me apetece...Ainda...

13.02.11publicado por Gato Pardo

- Epá, tu devias escrever um livro...

 

Frase recorrente...

Se eu tivesse um euro por cada vez que já ouvi isto, daria provavelmente para umas quantas garrafas de Antiqua, uns volumes de tabaco e encher o depósito da viatura para ir até Santiago de Compostela e voltar (sim, porque sou um gajo altamente católico...O catolicismo é que não gosta de mim...).

 

- Devias tirar um workshop de escrita criativa porque não escreves uma beata...

 

Frase algo recorrente...

Se eu tivesse um euro por cada vez que ouvi isto...bem, dava para comprar uma caixa de supositórios (dosagem infantil, que não quero que tenham tonturas...) e distribuir gratuitamente...Porque há azias que não vão lá com Eno...Vão pelo recto, mesmo...

 

- Epá, bacano, não se arranja aí um cigarro?

 

Frase deveras recorrente...

Está aqui porque simplesmente me apetece e porque estou a fumar neste preciso instante...Pancadas...

 

 

Não tenho jeito para escrever livros...Dá muito trabalho, exige em demasia do meu tempo e invariavelmente iria acabar a beber chá de tília para acalmar os meus nervos, o que acho demasiado abichanado, até mesmo para um gato. Escrevo porque me dá um brutal gozo (não confundir com masturbação crónica...), porque tenho a capacidade de me rir do que escrevo e porque tenho a insanidade saudável para o fazer...

Há muita falta de humor na sociedade...Ou porque as pessoas são simplesmente uns camelos (com toda a simpatia para os doces animais) ou porque à falta de capacidade do tico e do teco se masturbarem entre si para criar fricção, o máximo de actividade neurológica que ocorre nessas pessoas é idêntica a quando estoura uma lâmpada...PUM!

Não sou escritor...Sou instigador de ódios, enólogo de venenos e antropólogo de mentalidades tacanhas...

Bem...Gostei desta...Enólogo de venenos...Cum caraças, eu sou mesmo bom!!!

Resumindo...Improvável que venha a escrever um livro...Mas se um dia o fizer (decisão essa regada com muito álcool, migas e entrecosto), Estocolmo deixará de reinar como a cidade com o maior nº de suicídios...

{#emotions_dlg.sarcastic}

Destaque...

10.02.11publicado por Gato Pardo

Pois...

O Gato Pardo foi novamente contemplado com um destaque pela equipa dos blogs do SAPO!

 

Um muito obrigado a todas as pessoas que fazem parte da dita equipa...Há muitos blogs de qualidade que abordam o humor, logo suponho que a escolha não seja de todo fácil...O facto deste destaque ser apenas mais um de vários que o blog já obteve, leva-me a crer que efectivamente existe aqui alguma qualidade de escrita e não só analogias fáceis sobre sexo, glândulas mamárias e versões alternativas do Kama Sutra...Ah, e poupa-me um balúrdio de dinheiro em workshops de escrita criativa que posso canalizar para açordas e garrafas de vinho tinto...

Um especial obrigado a todos aqueles que sorriem de tempos a tempos com alguns dos posts que aqui estão...Fazem-me sorrir a mim também...

 

O bom humor é a única qualidade divina do homem

Autor: Schopenhauer , Arthur

As novas tecnologias são uma coisa lixada...

08.02.11publicado por Gato Pardo

Quando julgamos que nada mais é capaz de nos surpreender (a não ser talvez ver a Cinha Jardim a andar de monociclo na 2ª circular toda nua e a gritar "as toupeiras gamaram-me a roupa!!!"...Estranho? Sim...Divertido? Sem dúvida...) eis que ouvimos algo que faz estremecer todo o nosso mundo...

Quando um cliente com a mania high tech nos pergunta se temos skate, existem alguma opções de pensamento nos instantes seguintes...

 

- Pronto, o tipo quer-me dar com a tábua no focinho...

- Pronto, a greve dos transportes é tanta que o tipo quer uma boleia...

- Pronto, passei os melhores anos da minha vida a tentar agir como um adulto responsável que agora aos 33 anos, tenho ar de vocalista dos Tokio Hotel e de quem tem um skate como meio de transporte preferencial...

- Pronto, o tipo encontrou as ganzas da filha e deu cabo do stock de uma vez só...

 

Quando após algumas questões de circunstância o tipo diz que seria mais fácil contactarmos por skate, surgem mais alguns pensamentos estranhos...

 

- Fixe, vou atar um cordel a duas tábuas e fazer uma versão radical dos telefones dos putos dos anos 80...

- Bem, preciso mesmo de falar com a filha e descobrir onde é que ela anda a comprar as ganzas...O material é de qualidade...

 

10 minutos depois, um bagaço, 8 cortes nos pulsos e 3 cafés depois finalmente percebo o que raio o homem estava a dizer...

Skate...Skype...Tem tudo a ver...

Gosto de pessoal que lida com as novas tecnologias...Facilitava era eles saberem soletrar as tecnologias a que se referem...Foi quase tão bom como aquele que me disse que o browser que usava era o Godzilla em vez do Mozilla (Firefox para os amigos)...